APÓS DIAGNÓSTICO DE COVID- VEJA ESTRATÉGIAS PARA MELHORAR OS SINTOMAS DURANTE E APÓS

Nutricionista: Eroni Lupatini CRN   4298 Pr  

Nutricionista Clinica Funcional 

Instagram: @eroninutricionista

#receitaseroni

SUA SAÚDE É SEU MAIOR PATRIMONIO….

Você é seu melhor investimento: Cuide-se…..

Provavelmente você vai sair do hospital, consultório medico  ou do posto de saúde com uma receita médica. 

Use somente o que estiver nessa receita. Não se automedique, pois você corre o risco de tomar medicamentos que tenham contraindicações e podem piorar o quadro. 

Só use medicamentos que o médico receitar

Neste sentido, também é motivo de preocupação informações que circulam nas redes sociais (cards, áudios e vídeos) com orientações sobre supostas terapias milagrosas no campo da nutrição. 

REPOUSO E HIDRATAÇÃO É ESSENCIAL

Faça  uso corretamente dos  medicamento para dor e febre, antitérmicos, analgésicos  e antinflamatórios que o medico indicou.  

Use umidificador no quarto ou banho quente auxilia no alívio da dor de garganta e tosse…(caso tenha estes sintomas)

Um fator importantíssimo para a cura é se manter muito bem hidratado. 

Durante o período, pode ocorrer as febres, que acarretam muita de perda de liquido no  corpo.  E garantir o consumo de líquidos ajuda o organismo a se recuperar. Consuma muita água com gotas de limão. 

A água ajuda as células de defesa a chegaram em todo o corpo. 

Manter o organismo hidratado ajuda a amenizar dores de cabeça e eliminar toxinas. 

As  vias nasais, a boca e o pulmão agradecem, pois quando essas áreas estão ressecadas, o organismo tem mais dificuldade em combater inflamações e infecções.

O pulmão é um órgão que precisa de umidade, em ambientes secos e na desidratação, o pulmão tem dificuldades para colocar suas células de defesa para funcionar.

NUTRIÇÃO ADEQUADA É MUITO IMORTANTE AGORA!

Neste período de recuperação, a  alimentação precisa ser  mais leve, pois devido aos medicamentos e ao próprio vírus, todo o sistema digestório (fígado,  estomago e intestinos ficam bem fragilizados). Procure ingerir seus medicamentos com um suplemento probiótico que contenha o  lactobacillus reuteri ou ate mesmo com o  leite fermentado (prefira o original), com esta medida a flora intestinal  não será prejudicada.

O ideal é evitar alimentos crus, gordurosos e carnes vermelhas, pois dificultam a digestão. Dar preferencia a alimentos muito bem cozidos, como purês por exemplo, para facilitar a digestão. Carnes brancas, peixes ricos em ômega 3, frango que contem zinco, bom para a produção de glóbulos brancos, e cistina, um aminoácido que beneficia o sistema respiratórioi. . O alho e a cebola usados como tempero podem contribuir para o funcionamento correto do sistema imunológico.  Sopa com verduras e legumes bem cozidos são recomendadas para uma recuperação mais rápida e eficiente do organismo”

O feijão, rico em ferro e tão tradicional na culinária brasileira, é um aliado importante. Frutas cítricas e ricas em vitamina C, como laranja, limão e acerola, podem fortalecer o sistema imunológico. Castanhas têm gorduras boas e antioxidantes, que também podem atuar como anti-inflamatórias. 

Para uma rápida digestão oriento ingerir no inicio de seu almoço um pequeno pedaço de mamão, e ao findar, um minúsculo pedaço de abacaxi. Estas frutas possuem enzimas digestivas  antinflamatórias poderosas: papaína e bromelina. 

Evite doces e guloseimas neste período. Prefira frutas. 

ALIMENTOS MUITO IMPORTANTES NESTA FASE

Vitamina D: peixes, ovos- Muito importante a exposição ao sol no horário das 11 da manha às 13 sem filtro solar por pelo menos 10 minutos  3 x por semana.

Vitamina E: azeite de oliva extra virgem, castanhas, avelã, semente de girassol, abacate

Vitamina A: cenoura, batata doce, folhas de brócolis, manga, couve

Vitamina C: kiwi, goiaba, brócolis, frutas cítricas, frutas vermelhas, talos da couve, salsa

Zinco: sementes, castanhas, amêndoas, cereais integrais, casca da tangerina

Ômega-3: peixes, castanhas, amêndoas, nozes, sementes, beldroega

– Compostos bioativos (antioxidantes e anti-inflamatórios): frutas, verduras, legumes e sementes em geral

Prebióticos (cebola, alho, farinha de banana verde, batata doce, batata yacon) e fibras (cereais integrais, frutas, verduras, legumes, sementes) para a saúde do intestino

– Ervas e especiarias: chá verde, gengibre, cúrcuma, alho, ipê roxo, uxi amarelo, unha de gato. Muito providencial o chá de dente de leão 3 xícaras ao dia, pois o fígado nesta fase também fica muito sensível, na falta pode ser chá de carqueja. Chá de chapéu de couro para seu rim, em alguns casos também sensibiliza-se…. Vai intercalando um e outro, para garantir a estabilidade de seus órgãos. Para a eventual tosse seca, durante ou após quarentena, sugiro um chá de macela morno com uma pitada de sal ao deitar por 7 dias. Para a eventual falta de ar e dificuldade de respirar o chá de avenca tem ótimo resultado , este pode ser como água durante o dia.

Vitaminas do complexo B. pois regulam a produção de energia no organismo, e saúde do intestino ajudando na absorção dos nutrientes ingeridos. Além disso, elas são importantes para prevenir anemia e fortalecer o sistema imunológico.

EVITE ALIMENTOS INDUSTRIALIZADOS. Faça o possível para fazer seus alimentos em casa.

O SONO É POR DEMAIS IMPORTANTE NA RECUPERAÇAO.

Durma com quarto totalmente escuro  e antes das 23 horas, para que a melatonina possa ser produzida pelo seu organismo, e seu fígado desintoxique auxiliando no seu rápido restabelecimento. Desligue seu celular, preferencialmente até o Wi-fi da casa. 

MANTENHA CONTATO COM A NATUREZA….

Se não tiver febre… coloque seus pe na terra, ou grama, faça leves caminhadas. 

ASSIM QUE SAIR DA QUARENTENA FAÇA USO DE UM MULTIVITAMINICO COM ZINCO VITAMINA C, COMPLEXO B, OMEGA 3, ARGININA, (ou as fontes: Cacau, chocolate, amendoim, nozes, gelatina natural,  colágeno em pó castanha de caju, milho, semente do tomate, semente de girassol, coco, aveia, café arroz integral, passas, pão integral, lentilhas, laranjas, frutas cítricas) fitoterápicos RHODIOLA ROSEA, CASTANHA DA ÍNDIA (pois alguns relatam falta de energia e cansaço fisico e mental após o contagio.) e CISTEINA Se houver sintomas de falta de ar. Que está nesses alimentos: Leite e seus derivados; cereais integrais, todas as oleaginosas, alho, brócolis cebola roxa couve de bruxelas

PARA A RECUPERAÇÃO DO OLFATO: utilizar ÒLEO ESSENCIAL DE CRAVO FOLHAS ou outros olhos essenciais como: rosa, tangerina, limão, canela, eucalipto: colocar gotas nos pulsos e inalar por 10 segundos descansar 15 e inalar novamente fazer por 3 x 2 x ao dia. PARA RECUPERAÇÃO DO PALADAR: oleo essencial de menta ou na agua ou no chá ou limão tahiti (2 gotas) 3 x ao dia. Utilizar alimentos que estimulam a saliva como: carnes, peixes, vegetais e legumes, como cenoura, tomate, milho, ervilha e aspargos, cogumelos queijo parmesão espinafre brócolis e repolhos. Consuma um de cada vez…. mastigue muito para tentar sentir o sabor. Vai intercalando, faça pelo menos 3 x ao dia…. PARA BRANCOS DA MEMÓRIA, além do Omega 3 e exercícios de respirações, para oxigenar o cérebro: (inspirar contando contando 7 segundos, reter por 7 segundos, inalar em 7 segundos, e permanecer 7 segundos sem respirar fazer 3 repetições 3 x ao dia) faça o remédio caseiro: 1 litro de vinho branco seco + 3 cascas inteiras de lima, + 3 galhos de alecrim do tamanho da garrafa, cravo canela e noz moscada, a vontade, deixar curtir por 7 dias em local escuro, todos os dias movimentar para ativar as propriedades dos elementos. Em seguida aos 7 dias, coar, deixar na geladeira e consumir 50 ml ao deitar pode ser com água. Para eventual ENXAQUECA meio copo de água de coco com uma colher de café de gengibre pó.

Lembrando sempre que na vida e na saúde, somos o resultado de nossas escolhas…..

4 respostas para “APÓS DIAGNÓSTICO DE COVID- VEJA ESTRATÉGIAS PARA MELHORAR OS SINTOMAS DURANTE E APÓS”

  1. Gostei muito, bem elaborado, boas sugestões, parabéns! Gratidão, por compartilhar tantas. informações importantes neste período que estamos atravessando, isto é um grande bem. Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *