PostHeaderIcon DICAS NUTRICIONAIS PARA ADOLESCENTES

A adolescência, que vai dos 10 aos 19 anos de idade, e um período muito especial da vida.

Meninos e meninas bem alimentados nessa fase, serão adultos saudáveis.

Todo adolescente precisa de alimentação equilibrada para fornecer combustível para atividade muscular, promover o seu crescimento, dar satisfação e prazer.

Exercícios físicos, sob orientação são muito importantes.

Alimentos industrializados contém muitas substâncias nocivas à saúde, o seu uso freqüente é prejudicial (salsicha, presunto, sucos em garrafa, açúcar branco, refrigerantes ).

Alimentos ricos em açúcar como doces e refrigerantes, tiram o apetite e alimentam mal.

Sucos naturais, de frutas da safra, são mais nutritivos e baratos. REFRIGERANTES principalmente os a base de cola, impedem absorção de minerais importantes como o cálcio.

A adolescência é um dos períodos mais críticos no desenvolvimento humano. O crescimento relativamente uniforme da infância dá então lugar a um outro bastante mais rápido. Esta fase da vida é considerada especialmente vulnerável em termos nutricionais, devido a uma maior carência geral e necessidades especiais de nutrientes, provocadas pela maior velocidade de crescimento e pelas alterações do estilo de vida e dos hábitos alimentares que nela ocorrem. A obesidade na adolescência é, de fato, um problema grave, mais característico do modelo de cultura ocidental.

O aumento da massa óssea na adolescência eleva as necessidades diárias de cálcio. Aproximadamente metade da estrutura óssea adulta é depositada durante a adolescência. O cálcio é importante para que os jovens completem seu pico de crescimento linear, mesmo que a deposição deste mineral continue por mais uma década.

É recomendável a moderação no consumo de gorduras, principalmente as saturadas, contidas nos alimentos de origem animal. Entretanto, a dieta deverá suprir as quantidades necessárias para o crescimento. Dietas pobres em gordura geralmente não fornecem a energia e os nutrientes essenciais, com prejuízos à puberdade. A recomendação de uma alimentação com alto conteúdo de fibras e baixo em gorduras não prejudica o conteúdo energético ou de nutrientes. Aumentar as fibras da dieta, em conjunto com a promoção de exercícios e de hábitos de vida saudáveis, para o bem-estar desta população.

Deixe um comentario

Artigos
Meu Twitter: