A alma chora…..

A  alma sofre…..

Pois a  alma não ignora…

O sofrer da personalidade…..

O pesar do sofrimento….

Que sem  ter um alento…

Se põe a esperar.

A esperar o dia….

A esperar a hora….

Pois a noite tem seu tempo….

E o raiar da aurora já está a despertar…..

E esse despertar….

Não é somente observar o sol entrar pela janela…..

Não é somente sentir que a vida é bela….

Mas sim o despertar da noite escura da alma!!!

Da noite da ignorância…..

Que depois de milhares de andanças…

Com certeza a alma alcança….

Seu passaporte para  a vitória….

Sua vida ….

Sua busca….

Finalmente atracam no porto da esperança …

Nada mais pesa  na balança 

Pois o coração tomou conta, e a vida, a busca a lida,   finalmente chegam no seu PORQUE.

Eroni em 25-9-22

E no decorrer de vidas inteiras……

O Ser sonha o Ser anda o Ser chora….

O Ser ama, o ser divaga

Com o passar do tempo….

Mais divaga, do que ama…. 

Já não sonha e por isso chora……

Procurando alento para seu desencanto….

A maioria das  vezes a resposta  buscou lá fora…..

E a indagação continuando pela longa estrada percorrida…..

Do porque dos porquês da vida…..

Vidas e vidas no entrelaçar dos tempos…..

Nem a brisa suave e o frescor dos ventos…

Consegue trazer calma ao ser que busca…..

Busca a essência da vida.

Busca o verdadeiro sentido do aqui estar.

E o mundo  lhe chama com seus aparatos e sensações ….

Porém nada daqui consegue dar guarida.

A este Ser que busca o sentido da vida…..

E por eons seguiu sua jornada…

E quase no final desta caminhada…..

Faz a mais incrível descoberta

Que…. 

Em  todas suas idas e vindas….

Já havia a  resposta certa…..

Nos acertos e nos erros da estrada…..

Uma fiel companheira o observava

Também sorria e também chorava…..

Também cantava e também amava.

Aguardando apenas ser sentida, ser procurada…

Sua Monada, sua essência maior,

Uma Parte de uma Centelha da Fonte

Finalmente reintegrada!!!!!

E agora o Ser, ama, sorri e canta

Pois  hoje com tudo se encanta

Pois aprendeu  que a vida!

Precisa ser celebrada e vivida.

E também  ser agradecida….

A  Mae terra que acolhe…..

Ao  Grande Astro Sol que aquece ilumina e alegra.

Gratidão a natureza, palco do desenrolar das histórias….

Eroni Lupatini em 25-8-22

E NA MELODIA DE UM DIA…..

E na melodia de um  dia

Qual folha que vaga no espaço perdida

É o ser a divagar

Qual sombra da noite num espaço infinito 

É o ser a chorar!

É o resumo de uma vida….

Há eons buscando o porque do seu caminhar.

É o que sempre sentiu no decorrer do caminho…

De vidas em vidas a desfilar….

Por vezes sem eiras  nem beiras 

Mas mesmo assim a andar….

Pelo espaço e pelo tempo sempre a indagar!

Do porque da vida.

Do porque amar!

Do porque viver!

Do porque ser!

Do porque chorar?

E a  folha que sempre continuou perdida no espaço a vagar!

Num dia de vento…… 

E mar turbulento….

Sem esperança de alento…..

Faz a incrível descoberta!!!

Que a sua vida incerta!!!

No real é a mais certa…..

Do jeito que é…..

Pois agora se depara com a mais incrível verdade…..

Se ela é folha….

A folha tem galho!

O galho tem árvore.

E de repente num  momento incrível da vida.

O galho reconhece sua folha, 

E a folha, no galho, chega agora à Arvore.

E então o ser percebe feliz que nunca esteve só.

Que quando  começa realizar seu projeto de vida.

Que quando trabalha pela busca interior….

A melodia se transforma.

Descobre que vida tem seu  porque.

E todos os porquês tem suas razoes de ser.

Eroni Lupatini em 06-7-22